Com mais de quarenta anos de profissão, Rubens Ewald Filho, que é conhecido como “o homem do Oscar”, é um pioneiro na imprensa brasileira. Foi o  primeiro a escrever sobre filmes na TV, sobre vídeo, depois sobre DVD, além de ter trabalhado nos nossos principais órgãos de imprensa. É diretor teatral em sucessos como Querido Mundo, Hamlet Gashô, O Amante de Lady Chatterley e autor de diversos livros, entre os quais Bebendo Estrelas e O Cinema vai à Mesa, da Editora Melhoramentos.

 

Voltar